13/01/2024 - Economia e Finanças

Profecia autocumplida

Por horacio gustavo ammaturo

Profecia autocumplida

Conta um conto que um rapaz extremamente pobre encontrou uma saída de trabalho viajando, fazendo dedo, desde o povo em que vivia para o mercado de frutas, legumes e produtos hortícolas de uma zona rural próxima.Começou levando de fiado uma gaveta de tomates que vendia por quilo aos vizinhos.Na verdade, era muito bom escolhendo tomates e ao pouco tempo, a qualidade de seus produtos cobraram fama e todos queriam comer seus tomates.Naquele primeiro gaveta fiado chegou a comprar dois. Depois ampliou a oferta de produtos, incorporando cebolas, batatas, e algumas frutas.Com esforço e dedicação pôde comprar sua primeira carrinha e assim, depois, estendeu seus pontos de venda, passando da venda ambulante a um primeiro e humilde local.Anos depois conseguiu formar uma empresa com vários locais próprios e um centro de distribuição.Junto com a expansão comercial também cresceu sua família, casou-se com sua companheira e socia e juntos tiveram um filho ao que criaram com as possibilidades que eles tinham carecido. Nesse sentido, assistiu às melhores escolas até obter um mestrado internacional em economia.Fonte de consulta permanente, o pai se apoiava nos comentários que seu filho profissional lhe fazia.Um dia, o filho comenta ao pai: “se acerca de um ciclo recessivo, as vendas vão diminuir, a mercadoria vai se apodrecer pela falta de rotação e os salários dos empregados acabarão com a nossa poupança, é hora de fechar alguns dos locais e despedir parte da renda”.Com fé cega, o pai aceitou a sugestão, para algo o jóven havia estudado.Cerró locais, vendeu caminhões, deixou de comprar mercadorias e desvinculou muitos de seus antigos colaboradores.Ao cabo de alguns meses pôde verificar que, efetivamente, vendia menos.O filho tinha acertado o ciclo recessivo, com tal precisão que as vendas baixaram na mesma proporção com a desinvestimento que haviam realizado.Este conto, um pouco engraçado e outro tanto preocupante, nos evidencia que, muitas vezes, somos nós que criamos nossas circunstâncias.Provavelmente, durante os 40 anos em que o pai havia trabalhado, antes da intervenção de seu filho, existiram ciclos recessivos e crises econômicas. No entanto, a austeridade, dedicação e empenho sortearam sem notar essas circunstâncias. Além disso, nesses momentos críticos, o negócio funcionava melhor, pois as pessoas faziam compras diárias menores em comércios de proximidade, como os que ele oferecia.Como em muitos contos, neste também existe uma moral.Muitas vezes, antecipando-se a situações temidas termina colaborando com relas realidade.As profecias autocumplidas são decretos que predizem o que vai acontecer, por vezes, fundadas em uma definição falsa da situação, que desperta um novo comportamento que faz com que a falsa concepção original da situação se torne verdadeira.Nestes tempos de mudanças, turbulentos e extremos, rever nossas decisões, tanto de investimento como de saída, demandam considerações excepcionais. Atuar com cautela, sem pânico nem emoções poderia significar sobreviver e crescer frente aos que atuam por inércia ou tomados pelo oportunismo.Muita sorte para todos nesta etapa que se inicia.

Deseja validar este artigo?

Ao validar, você está certificando que a informação publicada está correta, nos ajudando a combater a desinformação.

Validado por 0 usuários
horacio gustavo ammaturo

horacio gustavo ammaturo

Chamo-me Gustavo Ammaturo. Sou licenciado em Economia. CEO e Diretor de empresas de infraestrutura, energia e telecomunicações. Fundador e mentor de empresas de Fintech, DeFi e desenvolvimento de software. Designer de produtos Blockchain.

TwitterLinkedin

Visualizações: 7

Comentários