19/09/2023 - Tecnologia e Inovação

Da supply chain à Blockchain

Por Tomas Velasquez Restrepo

Imagen de portada
Imagen de portada
Imagen de portada
Imagen de portada

Da supply chain à Blockchain

A cadeia de abastecimento é o processo end-to-end para criar valor em uma empresa. Começando desde o processo produtivo, passando pela logística e terminando na distribuição. Esta é a acção mais importante que tem uma empresa para criar valor e alterá-lo por utilidade. É por isso que, ao longo dos anos, novas tecnologias vão surgindo para ter registros mais precisos, obter métricas para eficientizar o processo e detectar erros.Embora todas estas ferramentas sejam de máxima utilidade, o natural da tecnologia é avançar constantemente e para a supply chain não é exceção.[caption id="attachment_ 11242" align="aligncenter" width="300"] Diagram of supply chain management illustration[/caption]

Algumas formas de como a cadeia de blocos pode ajudar a cadeia de abastecimento são:

  1. Rastreabilidade: A blockchain pode permitir um acompanhamento transparente e em tempo real dos produtos e materiais ao longo de toda a cadeia de suprimentos. Isto ajuda a detectar e prevenir eventuais fraudes, contrafacções e garante a autenticidade dos produtos.
  2. Gestão da cadeia de abastecimento global: A cadeia de abastecimento envolve muitas vezes múltiplos atores em diferentes localizações geográficas. A blockchain pode fornecer uma plataforma descentralizada para coordenar e gerenciar a informação entre todos os participantes, o que facilita uma comunicação mais rápida e precisa.
  3. Otimização de inventário: A blockchain pode melhorar a visibilidade do inventário em tempo real, o que ajuda a reduzir os custos e evitar o excesso ou a falta de estoque na cadeia de suprimentos.
  4. Sustentabilidade e responsabilidade social: A blockchain pode rastrear e verificar a procedência e as práticas sustentáveis dos produtos, permitindo aos consumidores tomar decisões mais informadas e fomentando a responsabilidade social corporativa, além disso, somar um valor agregado ao produto.

Exemplos de Suporte Exitosa

Embora a tecnologia blockchain seja algo moderno e, em alguns casos, sua aplicabilidade parece futurista, há vários casos de sucesso de empresas que já estão aplicando para melhorar seu supply chain. Em seguida, nomearemos brevemente 3 deles:
  1. IBM: Foram associados à Walmart para desenvolver o projeto Food Trust, que usa a tecnologia blockchain para rastrear e autenticar produtos em sua cadeia de fornecimento de alimentos. Isto permite um acompanhamento preciso da origem e da qualidade dos produtos, o que, por sua vez, ajuda a identificar rapidamente qualquer problema de segurança alimentar e a tomar medidas adequadas.
  2. VeChain: É uma empresa que utiliza a tecnologia blockchain para melhorar a gestão da cadeia de abastecimento. Sua plataforma permite rastrear e autenticar produtos em toda a cadeia de abastecimento, proporcionando maior transparência e confiança tanto para as empresas como para os consumidores. O VeChain foi associado a diversas empresas, incluindo marcas de luxo e empresas farmacêuticas, para implementar soluções de acompanhamento e autenticação de produtos em tempo real. Isto ajuda a prevenir a contrafacção e garante a qualidade e a autenticidade dos produtos desde a sua origem até ao consumidor final.
  3. De Beers: A empresa de diamantes De Beers usa a tecnologia blockchain para rastrear a proveniência dos diamantes desde sua extração até sua venda ao consumidor. Isso ajuda a garantir a autenticidade e a ética de seus produtos, pois evita a comercialização de diamantes de zonas em conflito. Os consumidores podem verificar a história de cada diamante através de um sistema transparente baseado em blockchain.

Blockchain illustration

Desafio e Considerações

Quando se trata de melhorar a gestão da cadeia de abastecimento através da adoção da tecnologia blockchain, as empresas devem ter em conta que não é um processo que ocorra da noite para a manhã. Há três variáveis principais que influenciam este processo:
  • Custos: A adoção da tecnologia blockchain pode ser dispendiosa. Dado que esta tecnologia está em constante desenvolvimento e, por vezes, existe uma maior procura que oferta (particularmente em períodos ascendentes), os custos de implementação podem ser significativamente elevados. Isto deve-se à necessidade de contratar desenvolvedores especializados e realizar auditorias de código de alto valor para garantir a eliminação de possíveis erros.
  • Interoperabilidade: A interoperabilidade entre diferentes blockchains tem sido um dos desafios mais significativos no desenvolvimento da tecnologia blockchain. Dois sistemas que utilizam cadeias de blocos diferentes só podem ser integrados se forem compatíveis com a mesma cadeia, caso contrário, a integração não seja possível. Este problema pode dificultar a criação de sistemas complexos e unificados na gestão da cadeia de abastecimento.
  • EducaçãoApesar de ter falado muito sobre a tecnologia blockchain, sua curva de adoção ainda não alcançou seu ponto máximo. Isto significa que para os trabalhadores de diversas indústrias, compreender e utilizar esta tecnologia pode ser um desafio. A falta de compreensão de como funciona a tecnologia blockchain e como se integra nos processos comerciais pode atrasar sua adoção efetiva na gestão da cadeia de abastecimento.
A adoção da tecnologia blockchain para melhorar a cadeia de abastecimento requer uma abordagem estratégica e uma compreensão profunda de suas implicações e desafios. À medida que as empresas superam estes obstáculos, podem aproveitar os benefícios de uma maior transparência, eficiência e segurança nas suas operações de cadeia de abastecimento.

O Futuro da Cadeia de Suministros com Blockchain

No futuro da supply chain, a blockchain é vista como um transformador, proporcionando transparência em tempo real de todas as etapas operacionais. No entanto, o seu sucesso depende da colaboração entre os atores da cadeia, estabelecendo padrões partilhados que assegurem a interoperabilidade. Além disso, a educação é crucial, pois a compreensão profunda de como integrar esta tecnologia de forma eficaz nos processos existentes é essencial para aproveitar os seus benefícios. Finalmente, a adoção bem-sucedida da blockchain na cadeia de abastecimento dependerá da combinação de colaboração e educação contínua.

Conclusão:

Em suma, integrar a blockchain com a supply chain é uma evolução necessária para uma gestão mais transparente, eficiente e segura. À medida que as empresas enfrentam desafios como custos, interoperabilidade e educação, também abrem a porta para uma colaboração mais estreita com a inovação. Com o tempo, a cadeia de blocos pode tornar-se o local onde se constrói um supply chain moderno, impulsionando a excelência operacional.

Deseja validar este artigo?

Ao validar, você está certificando que a informação publicada está correta, nos ajudando a combater a desinformação.

Validado por 0 usuários
tomas velasquez restrepo

Tomas Velasquez Restrepo

Olá, sou Tomas. Nascido na Colômbia de mãe Colombiana e pai de Buenos Aires. De pequeno, mudei-me para Córdoba e terminei os meus estudos secundários lá. Enquanto começava o meu Bacharel em Marketing em 2018, ao mesmo tempo comecei a entrar no ecossistema blockchain. Arranquei minha carreira como programador de Solidity, mas ao pouco tempo deixe-o por papel do Project Manager. Desde 2020 até 2023 sempre estive trabalhando em diferentes empresas de desenvolvimento de software na área de blockchain, tive experiência em múltiplos desenvolvimentos de todas as naturezas, mas sem dúvida, meus favoritos são os que têm a ver com a tokenização e a combinação entre o físico e digital. Também há dois anos que fundou vários projetos, tentando assim empreender. Sempre com temas de tokenização, desde no real estate até na moda. Hoje estou cursando meu último ano de carreira.

Twitter Linkedin

Visualizações: 4

Comentários