08/04/2024 - Tecnologia e Inovação

Redução da Bitcoin para metade: menos é mais?

Por CryptoNEA

Redução da Bitcoin para metade: menos é mais?

Já deve ter ouvido falar da Bitcoin, a blockchain mais famosa do mundo. Criada em 2008 e colocada em funcionamento desde 2009, é a criptomoeda que inaugurou uma era de disrupção em termos de dinheiro e hoje é uma das mais cobiçadas e valiosas.

O preço do bitcoin tem sidomuito volátil desde a sua criação, e um dos factores para que isso aconteça é o custo/benefício da mineração da criptomoeda. Nos primeiros tempos, o custo de energia para um mineiro era baixo e a recompensa era elevada - obtinha-se 8 vezes mais bitcoins a cada 10 minutos (que é aproximadamente o tempo que demora a extrair um bloco) do que se obtém atualmente. Isso mudou e continuará a mudar.

De 4 em 4 anos, há um evento especial para a comunidade criptográfica chamado "bitcoin halving". Se está a dar os primeiros passos no mundo das criptomoedas, já deve ter ouvido falar dele, mas muitas pessoas não compreendem o que é ou porque é importante. Deixe-nos explicar-lhe de uma forma simples.

O que é Halving?

O que torna o bitcoin especial em comparação com outras criptomoedas é que ele tem sido de natureza deflacionária desde o seu início. A redução pela metade tem a ver com a escassez de bitcoins. Sabemos que só existirão 21 milhões de bitcoins e que essa quantidade está programada no código-fonte. Mas esses bitcoins devem ser "minerados" ou descobertos pouco a pouco e a um custo cada vez maior. É aqui que entra a redução para metade.

Na origem dos tempos das criptomoedas, em 2009, quando um mineiro descobria um bloco na rede, recebia 50 BTC como recompensa. Satoshi Nakamoto, o falecido criador do Bitcoin, estabeleceu que esta recompensa seria reduzida para metade a cada 210 000 blocos, o que equivale a cerca de 4 anos. Este acontecimento deu origem ao nome " halving" em inglês ou "halving" em crioulo.

Quantas vezes é que o halving aconteceu?

Agora já sabe que este evento acontece de 4 em 4 anos, como o Campeonato do Mundo. A primeira vez que aconteceu, em 2012, a recompensa foi reduzida de 50 para 25 bitcoins. A segunda vez, em 2016, caiu de 25 para 12,5.

Este ano será a quarta redução para metade e a recompensa por bloco cairá de 6,25 (recompensa atual) para apenas 3,125 bitcoins. De acordo com as nossas estimativas, espera-se que isto aconteça em meados de abril.

Qual é a importância da redução para metade?

A redução para metade tem um efeito direto na oferta e na procura. À medida que novas unidades de bitcoin entram em circulação ao longo do tempo, torna-se um ativo cada vez mais escasso. E sabemos pelas leis económicas (ou pelo senso comum) que quando algo se torna escasso, o seu preço tende a aumentar.

Assim, quando a redução para metade ocorre, exerce uma pressão ascendente sobre o preço da bitcoin. De facto, historicamente, o preço da bitcoin tende a subir após cada redução para metade.

Mas o aspeto mais interessante da redução para metade é o facto de reforçar um dos princípios da bitcoin: emissão finita e programada. Ao reduzir a emissão monetária ao longo do tempo, limita a capacidade de alguns controlarem a oferta de dinheiro, como acontece atualmente com as moedas fiduciárias.

Em resumo, o halving do Bitcoin não deve ser visto como uma simples atualização de software, mas sim como um evento que reafirma os valores da comunidade: Descentralização e Liberdade Económica, valores que a Crypto NEA apoia ao divulgar esta tecnologia no Nordeste da Argentina.

Se tiveres alguma dúvida ou quiseres saber mais, podes juntar-te à nossa comunidade e entrar em contacto com a nossa equipa nas nossas redes.

Deseja validar este artigo?

Ao validar, você está certificando que a informação publicada está correta, nos ajudando a combater a desinformação.

Validado por 0 usuários

CryptoNEA

Somos um grupo de profissionais, empreendedores e amigos de diferentes setores, mas com o mesmo objetivo: posicionar a comunidade cripto do nordeste argentino como referência na América Latina. Para isso, incentivamos a comunidade local com encontros e atividades gratuitas nas quais divulgamos o Bitcoin & Blockchain e facilitamos o networking entre os diferentes atores do ecossistema.

Twitter Linkedin Instagram

Visualizações: 0

Comentários